Blog da ABRASCOND

Blog sobre o universo condominial, feito pela ABRASCOND

O Síndico um Profissional Estratégico

A CHAVE DO SUCESSO

Por Ronaldo de Araújo*

O síndico seja orgânico ou profissional é um profissional altamente estratégico para a sua comunidade chamada condomínio, não importa do tamanho, ele tem a responsabilidade com a gestão desse condomínio, de fomentar a boa política, falar em política no momento em que vivemos soa um pouco estranho, é uma palavra que se confunde com a politicagem, mas precisamos entender essa palavra a “política” de forma mais ampla como entendia o Filósofo Aristóteles (385 a.C – 323 a.C.) que dizia ser a política uma a ciência que tem por objetivo a felicidade humana e divide-se em ética (que se preocupa com a felicidade individual do homem na pólis) e na política propriamente dita (que se preocupa com a felicidade coletiva da pólis). Esse conceito de preocupação com a felicidade coletiva pode ser um dos objetivo do síndico, ter como foco na sua gestão fomentar as práticas do bem comum, com transparência, ética e responsabilidade.

Todo profissional bem preparado sabe que as exigências básicas para ocupar de um cargo estratégico no mercado corporativo estão reunidas numa única sigla conhecida como C.H.A. que contempla as iniciais de Conhecimento, Habilidades e Atitudes, para o segmento condominial não poderia ser diferente. A identificação do C.H.A. é utilizada pelo mercado corporativo na tentativa de selecionar os melhores profissionais do mercado ou os mais bem preparados para ocupar determinadas posições, principalmente em nível de liderança.

Tempos atrás, conhecimento, habilidades e atitudes eram suficientes para a estabilidade do emprego por muitos anos. No entanto, com a virada do século, com a revolução tecnológica, tudo mudou. Por isso, precisamos considerar o C.H.A. e incorporar novas siglas V.E. com um profundo entendimento de Valores e Emoções para o profissional desses novos tempos, são fatores de extrema importância para o segmento condominial para o mundo corporativo e para o segmento condominial.

Dessa forma, em tempos de competição desenfreada, momentos de constantes crises, busca por resultados positivos e sustentáveis, o síndico, um profissional altamente estratégico precisa ter a C.H.A.V.E. para o sucesso dos melhores resultados em sua gestão.

Vamos analisar cada letra dessa CHAVE para o sucesso:

Conhecimento: todo o conhecimento teórico, adquirido por meio de livros, cursos, palestras, formação educacional, entre outros meios de aquisição do saber, reforçada pela experiência sobre determinado assunto ou atividade. Exemplo: Curso de Síndico Profissional e experiência prática na atividade.

Habilidades: São as competências que você tem sobre algo que conhece e faz bem, não necessariamente advém de um conhecimento teórico prévio e sim, daquilo que você tem facilidade em realizar. Exemplos: Tenho habilidade de interagir com as pessoas, de falar em público, de resolver conflitos, etc.

Atitudes: Não adianta ter conhecimento teórico e habilidades e não ter a atitude de colocar em prática. Portanto a atitude é regida por uma disposição interior, algo que vem de dentro, um sentimento que ajuda a superar obstáculos, a quebrar as barreiras da zona de conforto e criar inovações. Exemplos: Sempre inovar na gestão condominial. Ter uma atitude positiva na gestão de conflito.

Valores: É uma força interior que direciona a postura e atitudes das pessoas e move para ações positivas ou negativas, o indivíduo que tem os seus valores pautados na ética, respeito pelo outro, transparência, integridade, empatia, tem atitudes de extrema importância para contribuir de forma positiva, no entanto, o indivíduo que tem seus valores opostos tem atitudes e ação que venha a comprometer o seu entorno. Exemplos: Síndicos que ter valores pautados na transparência e ética, não terá problema na apresentação da prestação de contas.

Emoções: Muito se fala no controle das emoções ou inteligência emocional, as emoções das pessoas normais são a alegria, o medo, a raiva, a tristeza, são emoções que todos nós temos, isso é normal, o que não é normal é viver tempos demais em uma única emoção, os síndicos que vivem diversas emoções a todo momento precisam ter ferramentas de controle, por isso é importante saber qual emoção deixar aflorar num determinado momento e o mais importante em qual intensidade deixo acontecer. Exemplo: Qual emoção um síndico pode demonstrar diante do condômino “problema” numa assembleia, isso pode determinar quais são os seus valores desse síndico.

Para ter o devido equilíbrio das emoções, é muito importante conhecer sobre resiliência, que é um termo originalizado na física que denomina a propriedade de alguns “corpos” de retornar a forma original após terem passado por uma deformação elástica. Para a gestão de pessoas a resiliência é a capacidade de uma pessoa tem para lidar com problemas, de adaptar às mudanças ou mesmo de resistir à pressão de situações adversas, entre outras situações, sem, que isso provoque surto psicológico, emocional ou físico.

Como está a sua resiliência?

O quanto você é um Síndico Resiliente?

É muito importante você pensar nessa temática para o desenvolvimento das suas atividades no dia-a-dia, principalmente na gestão de crise para que essa carga de pressão não interfira na sua saúde física ou mental, ter estratégias para a busca do equilíbrio é o primeiro passo para o sucesso na sua gestão e para você se manter por muito tempo nessa profissão de alto grau de risco emocional.

O métodos C.R.A. de sucesso para a sua sindicatura:

ConhecerÉ muito importante você conhecer os seus próprios limites, os limites das suas emoções e sentimentos, conhecer o seu perfil comportamental, o autoconhecimento que tanta se fala a psicologia positiva, para a atuação como síndico é de extrema importância, saber como você pode dar uma resposta positiva numa determinada situação.

ReconhecerNo outro as possíveis limitações dos outros, com o entendimento que as pessoas não dão aquilo que não tem, que algumas cobranças que fazem não são pessoais e sim, por querem que sejam atendidos naquele momento pelas atitudes egóicas que vivemos. Com essa compreensão poderá ter a paciência necessária para explicar o que pode ser feito sem que isso comprometa as suas emoções.

AdaptarPrecisamos explorar esse termo – adaptação, caso contrário ficará complicado viver e conviver, é importante pensar em adaptar da sua estrutura de comunicação para falar de acordo com a estrutura de comunicação do seu condômino, ou seja, quando for falar com uma pessoa extrovertidas, agitadas que falam com as mãos, aja da mesma forma, fale de forma positiva e também faça gestos com as mãos para o entendimento do que está querendo transmitir, quando for falar com uma pessoa introspectiva, tranquila, com pensamos mais estruturados, aja da mesma forma, fale de forma tranquila sem ameaçá-la, pessoas assim gostam de informações detalhadas, de saber o porquê das coisas.

Por isso, é importante você ter o real entendimento da CHAVE e do método CRA, alinhado com alguns cuidados pessoais com a alimentação, prática de atividades físicas, meditação e a busca constante pelo conhecimento para ser um síndico de sucesso, sendo referenciado pelos condôminos e buscar constantemente positivos na sua gestão e não precise ficar preocupado com a sua reeleição.

Pense nisso e seja uma pessoa mais feliz e realizada!

*Ronaldo de Araújo é Diretor Pedagógico da ABRASCOND, Síndico Profissional, Formado em Direito, Contabilidade, Especialização em Desenvolvimento de Pessoas – Coach, PNL e Assessment DiSC, Diretor do Grupo i3G Serviços Condominiais

Anúncio:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *